Produção industrial nos EUA é a maior desde agosto de 1998

produção industrial norte-americana subiu 1,1% em maio, maior ganho desde agosto de 1998, segundo informou o banco central dos Estados Unidos (Federal Reserve). O resultado ficou acima das expectativas, que apontavam para um avanço de 0,8%, mesmo resultado alcançado em abril. O uso da capacidade instalada subiu para 77,8% em maio, maior alta desde maio de 2001. Este número também ficou acima da previsão feita pelos analistas, de 77,5%. Em abril, o uso foi revisado em alta para 77,1%, de 76,9% previsto anteriormente.Produção por setorA produção na indústria de manufatura cresceu 0,9% em maio, saindo de uma alta de 0,7% em abril. O uso da capacidade na indústria de manufatura avançou para 76,4% em maio, de 75,9% em abril. A produção entre as companhias de energia elétrica cresceu 3,3% em maio, depois de alta de 1,5% em abril. A produção de veículos motores e partes caiu 2,3% em maio, de baixa de 0,3% em abril. A produção de automóveis recuou 2% em maio, de estável em abril. Excluindo automóveis, a produção industrial norte-americana subiu 1,3% em maio, de alta de 0,9% em abril. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.