Produção total de petróleo no País recua 1,5% em fevereiro ante janeiro, diz ANP

A produção total de petróleo e gás no País alcançou a marca de 3,031 milhões de barris de óleo equivalente (boe) em fevereiro, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Desse volume, 2,431 milhões de barris são referentes à produção apenas de petróleo - o que representa uma queda de 1,5% em relação ao mês de janeiro. Também a produção de petróleo em áreas do pré-sal registrou queda em fevereiro - uma produção de 1,8% em relação a janeiro. No total, a produção de óleo nas águas profundas foi de 656,8 mil barris.

ANTONIO PITA, Estadão Conteúdo

02 de abril de 2015 | 16h44

A ANP não informou as razões para a redução na produção de óleo. No último dia 19, ao comentar seus dados de produção, a Petrobras - responsável pela operação nos campos que respondem por 91,7% da produção no País - indicou que a redução na produção deveu-se a "paradas programadas para manutenção" nas plataformas P-19, no Campo de Marlim, e P-58, no Parque das Baleias, ambas na Bacia de Campos, e do FPSO Cidade de Angra, no Campo de Lula, na Bacia de Santos.

Em fevereiro, a explosão na FPSO Cidade de São Mateus, no Espírito Santo, também afetou a produção da companhia, sobretudo de gás natural. De acordo com a ANP, a produção total de gás registrou queda de 1,2% na comparação com janeiro. Na comparação anual, subiu 14,5% em relação a 2014.

A agência reguladora também registrou em fevereiro um recorde de aproveitamento de gás natural, equivalente a 96,6% do total de gás produzido. "A queima de gás natural em fevereiro foi de 3,3 milhões de metros cúbicos por dia, uma redução de aproximadamente 19,3% em relação ao mês anterior e de 23,9% em relação a fevereiro de 2014", informou a ANP.

Segundo a agência, o campo de Roncador, na Bacia de Campos, foi o de maior produção de petróleo, com média de 339,2 mil barris por dia. A plataforma P-52 foi a principal unidade de produção, com 17 poços interligados e produção média de 171,2 mil boe por dia. Em relação ao gás, o campo com maior produção foi Lula, na Bacia de Santos, com produção média de 11,9 milhões de metros cúbicos por dia.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoproduçãobrasilANP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.