Programa constrói 5 mil imóveis para índios

Dentro do mesmo Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR) são construídas casas específicas para comunidades indígenas. Segundo a Caixa, foram assinados mais de 5 mil contratos para imóveis destinados às comunidades indígenas, sendo 1,8 mil na Região Sul, 1,7 mil no Norte, 1,4 mil no Nordeste e 263 no Centro-Oeste. Pelas contas do banco estatal, mais de 25,7 mil pessoas foram beneficiadas em todo o País.

O Estado de S.Paulo

14 de junho de 2014 | 02h04

Assim como as outras moradias, as casas para as comunidades indígenas levam em conta soluções de água, energia elétrica, esgotamento sanitário e vias de acesso. Para famílias com renda anual de até R$ 15 mil, o valor do subsídio, com recursos da União, é de até R$ 28,5 mil para construção, e até R$ 17,2 mil para reforma. Cada família devolve à União 4% do valor subsidiado, em quatro parcelas anuais, sendo 1% por ano - 96% do valor total do projeto é subsidiado. Para a Região Norte, o valor do subsídio é de até R$ 30,5 mil para construir e até R$ 18,4 mil para reformar a moradia.

A secretária nacional de Habitação, Inês Magalhães, afirma que a adequação dos projetos às características dos beneficiários e aos tipos de clima é uma preocupação permanente do Minha Casa, Minha Vida, cuja terceira etapa deve ser anunciada em breve. / M.R.A.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.