Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Projeção do IPCA em 2011 sobe e está acima de 4,5%, diz BC

Em ata, a instituição também considera que a expectativa para inflação neste ano elevou-se em relação à reunião de outubro do Copom e também encontra-se acima da meta

Fabio Graner e Fernando Nakagawa, da Agência Estado,

16 de dezembro de 2010 | 10h19

A projeção de inflação em 2011 no cenário de referência - que leva em conta as previsões feitas pelo BC - subiu em relação à reunião de outubro "e se encontra acima do valor central da meta para a inflação", que é de 4,50%. Para 2010, nesse cenário, a projeção para o IPCA "elevou-se em relação ao valor considerado na reunião do Copom de outubro, e se encontra sensivelmente acima do valor central de 4,5% para a meta fixada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN)".

A ata trouxe, ainda, a previsão para o IPCA em 12 meses até o terceiro trimestre de 2012, estimativa que também subiu, mas se encontra "ao redor do valor central da meta para a inflação". No cenário de referência, o BC projeta o comportamento da inflação com a hipótese de manutenção da taxa de câmbio em R$ 1,70 e da taxa Selic em 10,75% ao ano em todo o horizonte da previsão.

Já no cenário de mercado, que leva em conta as estimativas e previsões dos analistas, a previsão para o IPCA em 2011 permaneceu estável em relação ao visto em outubro. Por esse critério, a previsão para a inflação em 2010 "se elevou e se encontra sensivelmente acima do valor central da meta para a inflação". Para 2012, a previsão para o IPCA em 12 meses até o terceiro trimestre aumentou, mas também se encontra ao redor do valor central da meta.

Tudo o que sabemos sobre:
ipca2011projeçaoacima da meta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.