Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Projeto das agências agrada empresariado

O projeto de lei enviado ontem ao Congresso pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que altera alguns artigos da atual lei sobre as agências reguladoras, repercutiu favoravelmente entre empresários ouvidos pela Jornal da Globo, da Rede Globo. Mesmo sem conhecer ainda integralmente o projeto, Eduardo Berlini, da AES Eletropaulo, acentuou que é importante preservar a "independência" das agências, enquanto Cesar Pretti, da Pfizer, destacou a importância da estabilidade das regras para não afugentar os investidores. Para Roger Agnelli, presidente da Companhia Vale do Rio Doce, o projeto deve facilitar a entrada de investimentos diretos no País, com repercussão positiva no orçamento dos consumidores. "Mais investimentos estarão ocorrendo, o que aumenta a concorrência", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.