carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Promotoria investiga bancos e hipotecas em Wall Street

Os promotores federais dos EUA estão em busca de mais informações sobre as atividades envolvendo títulos lastreados em hipotecas em Wall Street. O escritório da promotoria do Departamento de Justiça em Manhattan notificou a Securities and Exchange Commission (SEC, comissão de valores mobiliários norte-americana) que deseja ver as informações que a agência já reuniu em sua investigação sobre o Merrill Lynch, de acordo com pessoas familiarizadas com o assunto revelaram ao diário Wall Street Journal.A SEC está examinando, entre outras coisas, se essas empresas teriam contabilizado preços superiores para os títulos garantidos por hipotecas que detinham, apesar de saberem que seu valor tinha diminuído, acrescentam as fontes. A investida da promotoria acontece enquanto a SEC acaba de transformar o inquérito sobre o Merrill em uma investigação formal, o que requer a aprovação de toda a comissão e dá a agência amplos poderes para exigir informações de empresas e indivíduos.O interesse dos promotores é preliminar. Ainda não está claro se a SEC entregou ou não as informações, mas o pedido da promotoria poderia ser o primeiro passo para o início de uma investigação criminal, observam as fontes. Um representante do gabinete da promotoria de Manhattan não quis comentar o assunto. O porta-voz do Merrill, por sua vez, disse que a empresa não tinha nada a dizer, exceto que está cooperando com questões do ponto de vista regulatório - quando solicitada.Essa decisão também segue uma série de investigações que foram abertas pelas autoridades reguladoras do Estado e federais no setor financeiro em meio ao colapso do mercado de ativos garantidos por hipotecas. Como noticiou o Wall Street Journal na semana passada, promotores federais de um outro escritório da Promotoria em Nova York, no Brooklyn, lançaram uma investigação criminal preliminar para descobrir se o banco suíço UBS avaliou de maneira imprópria seus títulos lastreados em hipotecas. A decisão também acontece em meio a uma investigação formal da SEC sobre o assunto. As informações são da Dow Jones.

FABIANA HOLTZ, Agencia Estado

08 de fevereiro de 2008 | 10h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.