coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Proposta da VarigLog inclui Smiles e aporte no Aerus

A proposta feita pela VarigLog para compra da Varig, de US$ 500 milhões, incluirá um porte de recursos no Aerus (fundo de pensão dos funcionários da companhia), honrará os prêmios do programa de milhagens Smiles e também garantirá a continuidade da Varig "velha", que herdará as dívidas da companhia aérea após o leilão de seus principais ativos.A informação foi dada nesta sexta-feira pelo juiz Paulo Roberto Fragoso, que faz parte da comissão de recuperação judicial da Varig, da 8ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro. Ele participou de reunião nesta sexta-feira com o sócio do fundo norte-americano Matlin Paterson, o chinês Lap Chan. O fundo é controlador da Volo Brasil, grupo que adquiriu recentemente a VarigLog.Bom caminho Segundo Fragoso, as negociações estão caminhando bem e a idéia realizar a assembléia de credores no dia 10 de julho e, no dia seguinte, promover o leilão de venda da companhia aérea. Ele lembrou que a proposta da VarigLog inclui um aporte diário de recursos, o que mostra o interesse real da empresa.Fragoso explicou que, agora, a preocupação da Deloitte, administradora judicial da Varig, é que os credores possam entender corretamente a proposta e o que terão direito a receber. O juiz considera difícil que a Justiça se pronuncie ainda nesta sexta sobre a viabilidade ou não da proposta. Ele acredita que a Deloitte analisará a oferta durante o final de semana e só então entregará seu parecer à Justiça. O Ministério Público, porém, já se mostrou favorável à realização de uma assembléia de credores.

Agencia Estado,

30 de junho de 2006 | 15h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.