Prosper recomenda siderurgia e teles

O Banco de Investimentos Prosper aponta os setores de telecomunicações, siderurgia e alimentos como principais apostas para investimento em Bolsa. Entre eles, o analista financeiro Gustavo Alcântara destacou o segmento de telefonia, que ainda possui espaço para uma elevação de cotações no mercado. "O papel mais interessante é Telesp, que ficou muito barato após a operação da Telefónica", lembrou.No dia 1 de junho passado, a Telefónica realizou uma oferta pública para trocar as ações da Telesp por recibos de suas ações (BDRs) em Madri. Os novos BRDs passaram a ser negociados na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) em 14 de julho." A Telesp é a principal companhia de telecomunicações do País, além de estar apresentando um dos melhores resultados do setor." Alcântara lembrou que o mercado de atuação da companhia (São Paulo) possui a maior renda per capita do País, o que favorece o consumo.Outro fator positivo para as ações da empresa, comentou, é sua volta ao Índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa). "A expectativa é que a participação cresça no Ibovespa, o que devolverá a visibilidade dos papéis e provocará um retorno às carteiras passivas dos fundos de investimento", comentou, referindo-se aos produtos que buscam seguir a rentabilidade da Bolsa. Siderurgia tem bom potencialPara o analista, o setor de siderurgia também conta com um bom potencial de alta na Bovespa. "Junto com as companhias elétricas, as siderúrgicas são as que tendem a colher os maiores benefícios do crescimento econômico e da redução nas taxas de juros." Segundo Alcântara, as companhias estão trabalhando com capacidade de produção praticamente esgotada e sua capacidade de ampliação de oferta é pequena. A principal recomendação do setor é Gerdau. "A empresa possui uma visão séria e profissional em termos operacionais." De acordo com ele, a cotação em Bolsa vem refletindo a melhora operacional. Segundo dados da Economática, as ações da Gerdau tiveram alta de 457,44% em 99 e de 10,96% este ano, até a última quinta-feira (31). Este ano, o Ibovespa registrou ganho de 1,49%. Sadia e Perdigão são destaques do setor de alimentosO terceiro setor comentado pelo analista é o de alimentos. "Com o crescimento da economia, a renda da população melhora, o que impulsiona o segmento." O cenário econômico utilizado como base nas projeções prevê crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) entre 3,5% e 4% em 2000.Sadia e Perdigão são as principais apostas. "Ambas estão bem posicionadas e devem ter boas recomposições de preços até a metade de 2001." O Prosper possui uma equipe de três analistas, com foco no curto prazo, tomando como base o potencial de alta das ações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.