Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

PSA Peugeot Citroën investirá R$ 3,7 bi no Rio até 2015

Com o objetivo de dobrar a capacidade produtiva do País, companhia vai investir R$ 575 milhões por ano no Brasil entre 2012 e 2015

Lu Aiko Otta, da Agência Estado,

26 de outubro de 2011 | 19h38

A PSA Peugeot Citroën vai investir R$ 3,7 bilhões no Rio de Janeiro entre 2010 e 2015, com o objetivo de aumentar sua produção no País, anunciou nesta quarta-feira, 26, o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, após reunir-se com a presidente Dilma Rousseff, o presidente do conselho do grupo, Thierry Peugeot, o presidente da montadora para América Latina, Carlos Gomes, além do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral. O investimento expandirá a capacidade da planta já instalada no País, que produzirá 300.000 unidades anuais a partir de 2015. Hoje, a produção é de 140.000 unidades anuais.

Brasil

A Peugeot Citröen vai investir R$ 575 milhões por ano no Brasil entre 2012 e 2015 com o objetivo de dobrar a capacidade produtiva na região, afirmou Gomes.

Segundo ele, a capacidade de produção de motores deve aumentar de 280 mil para 400 mil unidades por ano, enquanto a de veículos deve dobrar, alcançando 300 mil unidades. Além disso, a fábrica da montadora em Porto Real, no Rio de Janeiro, deve ser ampliada em 40 mil metros quadrados e gerar 1.700 novos empregos.

A companhia pretende produzir oito novos modelos no Brasil de 2012 a 2015 e também deve aumentar o número de concessionárias de 320 para 480 durante o período. A Peugeot vai financiar o investimento por conta própria, acrescentou Gomes.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Peugeot CitroëninvestimentoRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.