Putin:investimento em gás para a China será de US$55bi

O acordo para fornecimento de gás que a Rússia assinou com a China prevê que os investimentos russos serão de cerca de US$ 55 bilhões, enquanto os investimentos chineses somarão US$ 20 bilhões, afirmou o presidente russo Vladimir Putin.

AE, Agencia Estado

21 de maio de 2014 | 12h21

A Rússia investirá em dois campos de gás siberianos, Kovykta e Chayanda, e começará a construção do maior oleoduto do mundo pelos próximos quatro anos, disse Putin, segundo a agência de notícias Interfax.

A Rússia assinou um acordo de US$ 400 bilhões de gás com duração de 30 anos com a China nesta quarta-feira. O negócio esteve suspenso por anos e analistas o classificam como uma grande vitória para a Rússia após os planos da Europa de buscar suprimentos de gás em outros países. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
RÚSSIACHINAGÁSATUALIZA 1

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.