Queiroz Galvão e Chesf vencem leilão de Belo Monte

O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Nelson Hubner, anunciou que o consórcio vencedor do leilão da usina hidrelétrica de Belo Monte foi o Norte Energia, constituído por nove empresas. Compõem este consórcio a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), a construtora Queiroz Galvão, Galvão Engenharia, Mendes Júnior Trading Engenharia, Serveng-Civilsan, J.Malucelli Construtora de Obras, Contern Construções e Comércio, Cetenco Engenharia, e Gaia Energia e Participações.

GERUSA MARQUES, Agencia Estado

20 de abril de 2010 | 16h09

Hubner informou que o preço final da energia de Belo Monte, leiloada hoje, é de R$ 77,97 por megawatt-hora (MWh). Ele afirmou que o preço oferecido pelo grupo que venceu a disputa foi de R$ 78,03 por MWh, mas o preço ofertado depois de ajustes técnicos feitos em razão da energia que será comercializada no mercado livre chegou a R$ 77,97, valor que representa um deságio de 6,02% em relação ao preço-teto, que era de R$ 83,00 por MWh.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.