Quem caiu na malha fina do IR pode ver motivo pela web

Com isso, o contribuinte pode corrigir a falha e fazer uma declaração retificadora

Renata Veríssimo e Wladimir D'Andrade, da Agência Estado,

10 de dezembro de 2007 | 18h10

O contribuinte que caiu na malha fina do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) neste ano pode saber o motivo e a sua situação pelo site da Receita Federal. Ao acessar o endereço (www.receita.fazenda.gov.br) e clicar no menu Serviços, na parte superior da página, o internauta encontra Extrato - Processamento Declarações e, por último, DIRPF (Declaração de IRPF). No link, o contribuinte deve preencher o formulário com os números do CPF e do recibo. O extrato permite identificar o erro que causou a retenção da declaração pelo Fisco. Com isso, o contribuinte pode corrigir a falha e fazer uma declaração retificadora. A Receita Federal informou que 479,7 mil pessoas caíram na malha fina neste ano, redução de 35,7% em relação a 2006, quando 746 mil pessoas tiveram a declaração do IRPF retida.Hoje, a Receita liberou a consulta ao 7º lote da restituição das declarações referentes ao ano de 2007. O dinheiro da restituição estará disponível para saque na segunda-feira da semana que vem e terá correção total de 7,47%, correspondentes à variação da taxa Selic de maio a novembro e 1% de dezembro. A Receita esclarece que as declarações retidas em malha começam a ser liberadas a partir de janeiro do ano que vem, nos chamados lotes residuais.

Tudo o que sabemos sobre:
Imposto de RendaReceita Federal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.