Rastreador vira item de fábrica na Volks

A Volkswagen decidiu instalar rastreadores em todos os carros da marca, uma das mais visadas por ladrões. Desde terça-feira, 13, 100% dos modelos saem de fábrica com o sistema de segurança que permite a localização do veículo por meio de satélite ou de GSM via celular. "Vamos desviar dos carros da Volkswagen a atenção dos ladrões", diz o gerente de propaganda e marketing, Marcelo Olival. Segundo ele, a instalação do item não altera o preço do carro, mas o consumidor que quiser ativar o sistema terá de pagar a anuidade, que varia de R$ 575 a R$ 800, à empresa de rastreamento, a Crown Telecom. "Uma das vantagens é que o preço do seguro cai em média 40%", afirma. O sistema e a anuidade, no mercado, custariam R$ 2 mil.A montadora, única a colocar o rastreador como item de série, já tinha adotado a estratégia para os modelos Golf, Parati, Gol e Saveiro em cidades de maior ocorrência de roubo, como São Paulo. Agora, expande para todo o País nesses modelos e também no Fox, CrossFox, Space Fox, Polo e Kombi. De acordo com Olival, o Golf liderou a lista dos 12 carros mais roubados no País, feita pelas seguradoras. Em 2005 o modelo passou a ser equipado com rastreador e deixou de aparecer na lista. Nesses dois anos, foram roubados mais de 200 unidades do Golf, todas recuperadas."O sistema não acaba com roubos, mas certamente diminuirá muito", diz Olival. Para colocar o rastreador em toda a linha a Volks consultou, além de empresas do ramo, a Polícia Civil. Depois de ativado, o motorista não tem como desligar o sistema. Em caso de roubo, a vítima liga para a central, que aciona equipe de busca e avisa a Polícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.