RBS perde US$ 41 bilhões

O Royal Bank of Scotland (RBS) anunciou hoje que pode ter perdido até £ 28 bilhões em 2008 - o equivalente a U$ 41 bilhões -, no que seria o maior prejuízo já visto por uma empresa do Reino Unido. O banco britânico calcula que a queda no valor de seus ativos pode representar a perda de cerca de £ 20 bilhões (US$ 29,3 bilhões), enquanto as "difíceis" condições do mercado no quarto trimestre poderiam trazer um prejuízo de mais £ 8 bilhões (US$ 11,7 bilhões). Além disso, foi anunciado um acordo para a troca de £ 5 bilhões em ações preferenciais por ordinárias, o que aumentaria a participação do Estado na entidade de 58% para 70%. Segundo o RBS, a medida poderá representar uma economia de £ 600 milhões, o que estimulará a concessão de créditos aos clientes. O executivo-chefe do grupo, Stephen Hester, disse que a situação dos mercados de crédito e a crise econômica global continuam "afetando muito o RBS, assim como aos outros bancos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.