Realização de lucros derruba soja nos EUA

A segunda-feira apresentou uma combinação de fatores que desvalorizam matérias-primas agrícolas: alta do dólar e baixa de petróleo, metais e ações. Nesse cenário, uma corrida para a realização de vendas, ainda com algum lucro, derrubou a soja futura. O contrato com vencimento em julho recuou 3,89% na Bolsa de Chicago (CBOT). Estima-se que fundos tenham feito venda líquida de 2 mil lotes. O mercado avalia agora dois fatores opostos: estoque baixo da safra velha e tempo bom para a safra nova.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.