Recado para a Glencore

O presidente da Vale, Roger Agnelli, participa hoje da sessão de comentários sobre o resultado da empresa. A expectativa é de que o executivo, que conduz pessoalmente as negociações para a aquisição da anglo-suíça Xstrata, envie um recado claro à Glencore, maior acionista da companhia, de que a Vale não está disposta a aceitar todas as condições impostas pela empresa.A Vale não divulgou a oferta feita pela Xstrata que, segundo especulações de mercado, deve se situar entre US$ 85 bilhões e US$ 89 bilhões. A anglo-suíça seria totalmente incorporada à Vale, que faria parte do pagamento em ações preferenciais. A Glencore estaria tentando manter participação ordinária. A Vale deve deixar claro hoje que tem outras opções de ativo em vista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.