Receita: 1,84 milhões de novos isentos

Até a tarde desta terça-feira a Receita Federal havia recebido 1,84 milhão de Declarações de Isento 2000. Desse montante, 891,1 mil foram enviadas via Internet, 297,3 mil pelo Receitafone e outras 653 mil entregues nas casas lotéricas que enviam o documento pelo sistema online. De acordo com balanço divulgado pela Receita, desde início deste mês 4,2 milhões de pessoas consultaram o site do órgão na Internet (veja no link abaixo) ou o Receitafone (0300-78-0300) para saber se o Cadastro da Pessoa Física (CPF) está regular.Desde o início de agosto a Receita cancelou 39 milhões dos 120 milhões CPFs existentes. Os documentos cancelados estavam em situação considerada irregular, ou seja, eram de pessoas que não entregaram as declarações de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) ou de Isento por dois anos consecutivos desde 1998. Para regularizar sua situação, os contribuintes têm de entregar à Receita as declarações em atraso. Caso a pessoa tenha rendimento acima de R$ 10.800,00 por ano pode entregar apenas a declaração de imposto de renda para pessoa física (IRPF 2000), relativo ao ano de 1999, e passará a ter novamente o CPF regularizado. Se isenta (com rendimento anual de até R$ 10,8 mil), a pessoa deverá fazer a Declaração de Isento 2000 até o dia 30 de novembro de 2000. Essas declarações poderão ser feitas pelo Receitafone ou pela Internet, além das agências dos Correios e lotéricas. Nas agências dos Correios, o contribuinte paga R$ 0,50 na remessa postal simples e R$ 2,00 a registrada e nas lotéricas, é preciso preencher um boleto que custa R$ 0,50.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.