Receita: arrecadação de Cofins cai 12,58%

A arrecadação da Cofins, tributo que melhor espelha o ritmo da atividade econômica, caiu 12,58%, de janeiro a agosto deste ano, na comparação com o mesmo período de 2008, segundo informou hoje a Receita Federal. Houve queda também no recolhimento de PIS e PASEP, de 9%. Os dados mostram que a baixa ocorreu por causa de uma redução no volume de depósitos judiciais, de R$ 1,049 bilhão, em relação a 2008, e de R$ 3,037 bilhões na incidência desses impostos sobre a importação.

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

17 de setembro de 2009 | 15h52

Já a arrecadação do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) acumula uma queda de 13,51%, e a da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), de 8,16%. De acordo com a Receita, os principais fatores que contribuíram para a queda desses tributos foram a redução da lucratividade das empresas e dos depósitos judiciais.

No Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), o recuo na arrecadação foi de 9,03%, sendo que a queda foi maior em relação à tributação sobre ganhos de capital e ganhos líquidos em bolsa. No Imposto sobre Produtos Industrializados - outros (IPI-outros), a redução no recolhimento foi de 27,24%, em função das desonerações sobre caminhões, materiais de construção e eletrodomésticos. A queda na arrecadação de IPI-automóveis, setor que também foi beneficiado pela redução do tributo, foi de 75,79%, de janeiro a agosto.

Reforço

A arrecadação da Receita em agosto, no entanto, recebeu um reforço de R$ 1,750 bilhão em depósitos judiciais transferidos de outros bancos para a Caixa Econômica Federal. De acordo com a Receita, essas transferências, autorizadas pela Medida Provisória (MP) 468, tiveram reflexo positivo na arrecadação de outras receitas federais administradas. Mesmo com o reforço de R$ 1,750 bilhão, porém, a arrecadação de agosto apresentou queda de 7,49% em relação a agosto de 2008.

Tudo o que sabemos sobre:
Receitaarrecadação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.