Receita colocará programa de IRPF/2001 na Internet

O programa da Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física 2001 estará disponível na página da Receita Federal na Internet entre os dias 20 e 27 deste mês. Os contribuintes que quiserem poderão aproveitar o feriado do Carnaval para fazer e enviar seu ajuste anual por meio do site (www.receita.fazenda.gov.br). O prazo oficial para o recebimento dos ajustes anuais pelos bancos e agências dos Correios, Receita On Line e unidades da Receita Federal tem início no dia 1º de março. As instituições financeiras receberão as declarações apenas em disquete. Os formulários de papel deverão ser entregues nos Correios. Não há mudanças na forma de apresentação e preenchimento das declarações. A estimativa do coordenador Nacional do Programa do Imposto de Renda (PIR), Luiz Carlos Rocha de Oliveira, é que neste ano o número de declarações seja superior a 13 milhões. Em 2000 foram entregues 12,5 milhões de ajustes, dos quais cerca de 7 milhões enviados pela Internet. Ele lembrou que, além do crescimento vegetativo, as leis que permitem à Receita quebrar o sigilo bancário dos contribuintes investigados, o uso da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) na fiscalização e o congelamento da tabela de descontos do IR poderão fazer com que a base de declarantes aumente mais que o previsto. Pelo sexto ano consecutivo não haverá mudança na tabela de descontos do Imposto de Renda. O teto para que os contribuintes sejam considerados isentos para fazer o ajuste com o fisco é de R$ 10.800,00 anuais. Os contribuintes que recebem acima deste valor são obrigados a fazer o ajuste, mas podem optar pela declaração simplificada ou completa. Ao fazer na forma simplificada, o contribuinte pode obter um desconto automático de 20% de IR, desde que o valor não seja superior a R$ 8.000,00. Já ao optar pela declaração completa, é possível fazer descontos de despesas médicas, com instrução ou ainda de R$ 1.080,00 por dependente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.