Receita libera restituição do IR

Na quinta-feira, os bancos autorizados pela Receita Federal pagam o primeiro lote de restituição do IR 2000, ano-base 1999. O valor vem corrigido por 2,49%, correspondente à taxa de juro básica - Selic - de maio mais 1%. Nesse lote, há 1.039.456 declarações com imposto a restituir, somando R$ 799,989 milhões. Entre os beneficiados estão, principalmente, aqueles que entregaram a declaração em março, pela Internet.Os incluídos nesse lote deverão receber em casa uma notificação. Mas a lista com o CPF desses contribuintes já pode ser consultada no site da Receita na Internet (veja link abaixo) ou pelo telefone 0300-78300.Quem informou dados bancários na declaração terá a comodidade receber o crédito da restituição direto na sua conta - poupança, conta investimento ou conta corrente. A regra vale apenas para os bancos autorizados pela Receita.Os contribuintes que não informaram seus dados bancários, porque não possuem conta nesses bancos, receberão a devolução pelas agências do Banco do Brasil (BB) ou da Caixa Econômica Federal (CEF). Nesse caso, o contribuinte poderá optar pelo resgate direto no caixa ou pela transferência do dinheiro via DOC. No BB, a taxa do DOC é de R$ 15,00 e na Caixa, R$ 8,00. Os contribuintes que não possuem nenhuma conta também terão sua restituição enviada para o BB e a Caixa, mas somente poderão fazer o resgate em dinheiro, direto no caixa.Veja na seqüência as dicas sobre a melhor utilização da restituição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.