Receita nominal do varejo tem em junho primeira queda mensal desde maio de 2012

A receita nominal do varejo caiu 0,2% em junho ante maio

Agência Estado

14 de agosto de 2014 | 10h38

RIO - A receita nominal do varejo caiu 0,2% em junho ante maio, segundo a Pesquisa Mensal de Comércio divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Trata-se do primeiro resultado negativo desde maio de 2012, quando também tinha caído 0,2%.

"Como a pesquisa conta a receita bruta, você não via queda. Mas nesse mês, por causa da Copa, o impacto dá para ver na receita nominal", disse Juliana Vasconcellos, gerente da Coordenação de Serviços e Comércio do IBGE. No entanto, a receita nominal aumentou 7,4% ante junho de 2013. No acumulado do ano, o crescimento foi de 10,5%, e, em 12 meses, de 11,4%.

No varejo ampliado, que incluí as atividades de veículos e de material de construção, a receita nominal caiu 3,4% em junho ante maio. Na comparação com junho do ano passado, houve ligeira queda de 0,1%. No ano, ainda há alta de 5,7%, e, em 12 meses, aumento de 7,4%. 

Tudo o que sabemos sobre:
comérciovarejovendas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.