Receita por passageiro da Gol cresce 19% em março

A companhia aérea Gol informa que a receita de passageiro por assento-quilômetro (Prask) líquida cresceu 19% em março deste ano sobre igual período de 2013. O resultado, diz a companhia, foi impulsionado pelo aumento na taxa de ocupação de 9,0 pontos percentuais, que atingiu 73,7%, com yield (indicador de tarifa) apresentando alta de 4% frente a março de 2013.

EULINA OLIVEIRA, Agencia Estado

28 de abril de 2014 | 10h17

No acumulado do primeiro trimestre deste ano, o Prask cresceu 18% na comparação anual, com aumento do yield de 4%. Segundo a Gol, o novo patamar de taxa de ocupação alcançado pela companhia nos últimos meses possibilitou esse crescimento, que atingiu no sistema total do trimestre 76,1%, avanço de 8,9 pontos porcentuais.

Tanto em março quanto no primeiro trimestre, o preço médio do combustível apresentou alta de aproximadamente 10% frente aos mesmos períodos do ano passado. No mês passado a companhia também reduziu sua oferta no mercado doméstico em 5,7%, com uma alta de 7,4% na demanda. Com isso, a taxa de ocupação média atingiu 74,4%, aumento de 9,1 pontos percentuais frente ao mesmo mês de 2013.

Já no primeiro trimestre de 2014 houve aumento de 1,6% da oferta no mercado doméstico, com crescimento de 14,7% na demanda e de 8,7 pontos percentuais na taxa de ocupação, que atingiu 76,8%.

No mercado internacional, a oferta cresceu 2,7% em março, enquanto a demanda teve alta de 17,5%, levando a um aumento de 8,6 pontos percentuais na taxa de ocupação ante o mesmo mês de 2013, para 68,6%. No acumulado do primeiro trimestre, houve avanço de 1,5% da oferta, com crescimento de 18,4% na demanda e 10,2 pontos percentuais na taxa de ocupação, para 71,4%, na comparação ao mesmo período do ano passado.

Tudo o que sabemos sobre:
Golreceita passageiromarço

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.