Receita tem arrecadação recorde de R$ 22,82 bilhões

A Receita Federal registrou em setembro a arrecadação recorde de R$ 22,820 bilhões. Esse resultado representou um crescimento real (com correção pela inflação do IGP-DI) de 27,99% e nominal (a preços correntes) de 46,27% sobre setembro de 2001. Em relação a agosto deste ano, a arrecadação de setembro apresentou crescimento real de 18,80% e nominal de 21,94%.No acumulado do ano, de janeiro a setembro, a arrecadação já soma R$ 175,531 bilhões, registrando aumento real de 10,38% e nominal de 21,86% sobre o mesmo período do ano passado. Com correção da inflação, a arrecadação acumulada no ano até setembro é de R$ 188,489 bilhões. A arrecadação no mês de setembro foi impulsionada por uma série de arrecadações extras obtidas no mês pelo governo.A maior delas foi decorrente dos efeitos da medida provisória número 66, que gerou uma receita extraordinária de R$ 3,546 bilhões. Essa MP concedeu benefícios para contribuintes que tinham débitos com a Receita e estavam questionando na Justiça ou no âmbito administrativo da Receira pagarem os tributos.A Receita Federal também obteve em setembro uma receita adicional de R$ 354 milhões referentes ao pagamento de Imposto de Renda retido na fonte sobre remessas ao exterior de aplicações financeiras de estrangeiros. Esses investidores liquidaram suas aplicações no País e enviaram ao exterior. Também foi obtida uma arrecadação adicional de R$ 550 milhões de pagamento de Imposto de Renda Pessoa Jurídica e Contribuinção Social sobre Lucro Líquido.Esse pagamento foi feito por empresas estatais e, segundo o secretário-adjunto da Receita, Ricardo Pinheiro, é decorrente da apuração de resultado positivo dessas empresas por conta da variação cambial. Em setembro, a Receita obteve ainda uma arrecadação atípica referente a depósitos judiciais e administrativos, que no mês somaram R$ 625,7 milhões. Esse valor está bem acima dos outros meses. Mas o secretário disse que não há como identificar os motivos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.