Recuperação econômica global acelera-se, dizem os EUA

O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, John Snow, disse que os riscos à estabilidade da economia global diminuíram, uma vez que o crescimento acelerou-se nas nações industriais e em desenvolvimento. No entanto, para ele, a economia global continua muito dependente do crescimento norte-americano. Em depoimento no Congresso sobre o sistema financeiro mundial, Snow expressou otimismo em relação ao futuro e disse observar sinais promissores de que as negociações globais sobre comércio poderão ser retomadas este ano. Ele disse que o governo norte-americano seguirá pressionando a China para que mude o sistema de câmbio, que desde meados de 1990 mantém o valor da moeda fixa em 8 iuans por dólar. A indústria de manufatura dos EUA tem constantemente reclamado que o câmbio fixo na China reduz a competitividade dos produtos norte-americanos. Snow, que se reunirá sexta-feira com o presidente do Banco Central da China, disse que ressaltará nas conversações a necessidade de a China flexibilizar o câmbio o mais rápido possível. A China, disse Snow, "concorda com a necessidade de um câmbio flexível".

Agencia Estado,

25 Março 2004 | 14h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.