finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Reforma bancária para garantir crescimento, diz Carney

O presidente do Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês), Mark Carney, afirmou que os líderes políticos devem manter as reformas bancárias acordadas internacionalmente para evitar que o crescimento econômico corra riscos.

AE, Agencia Estado

10 de setembro de 2013 | 05h09

"Ceder aos apelos para a ação unilateral que protege os sistemas domésticos poderia fragmentar o sistema global, causando a desaceleração do crescimento mundial e da criação de emprego", disse Carney em um artigo no jornal Financial Times.

Carney também preside o Conselho de Estabilidade Financeira (FSB, na sigla em inglês), que em nome do G-20 coordena a resposta dos órgãos reguladores globais à crise financeira. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
inglaterraboecarney

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.