Regra do ProRenova será alterada, diz Unica

O presidente interino da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), Antonio de Pádua Rodrigues, afirmou que uma regra que tem limitado a utilização da linha do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para renovação do canavial, o ProRenova, será alterada em breve, aumentando o volume de recursos emprestado para setor sucroalcooleiro.

EDUARDO MAGOSSI, Agencia Estado

20 de setembro de 2012 | 14h57

Segundo ele, apenas 30% dos R$ 4 bilhões do ProRenova foram utilizados até o momento, em função de uma regra que não permite que empresas que possuem capital estrangeiro tenham acesso aos recursos. "A Advocacia Geral da União já deu seu entendimento de que essas empresas são elegíveis para conseguir os recursos e a expectativa é de que a regra seja alterada em breve", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
UnicaProrenovaregras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.