Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Regras da UE podem prejudicar atuação de comitê financeiro, diz BoE

Comitê do Banco da Inglaterra, encarregado da estabilidade financeira, detém atualmente uma posição meramente consultiva

Renan Carreira, da Agência Estado,

28 de março de 2012 | 10h46

O comitê do Banco da Inglaterra (BoE) encarregado da estabilidade financeira disse que as regras da União Europeia (UE) podem prejudicar sua capacidade de agir e saudou os esforços do governo do Reino Unido para evitar que isso aconteça, mostraram nesta quarta-feira trechos da última reunião do comitê.

Membros do Comitê de Política Financeira (FPC, na sigla em inglês) afirmaram, no encontro no dia 16, que a "implementação dos poderes macroprudenciais do FPC podem ser restringidos pela lei ou por normas regulamentares ou técnicas da UE".

Em particular, eles disseram que o "alcance e o momento" da ação do FPC para garantir estabilidade financeira podem ser prejudicados por projetos de legislação da UE destinados a implementar os novos requisitos de capital de Basileia III.

Os membros do comitê saudaram os esforços do Tesouro britânico para assegurar que a legislação da UE não bloqueie a habilidade do FPC de usar suas ferramentas. O FPC atualmente detém uma posição meramente consultiva, aguardando a aprovação de uma legislação que conceda ao órgão poderes para agir. Isso deve ocorrer no fim deste ano ou em 2013. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Banco da InglaterraAlemanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.