Reino Unido: imóveis têm maior queda em 15 anos

Os preços dos imóveis residenciais britânicos são os mais baixos desde 1992, quando os preços nesse mercado passaram por um prolongada queda. Os dados fazem parte da pesquisa divulgada pelo Royal Institution of Chartered Surveyors (RICS), nesta quarta-feira (horário local). Apesar disso, o RICS advertiu que a economia está muito melhor hoje do que no início da década de 90, período no qual a Grã-Bretanha passou por sua última recessão. O instituto informou também que é improvável que ocorra novas quedas significativas nos preços dos imóveis residenciais. O levantamento do instituto mostrou que, em termos sazonalmente ajustados, a proporção de avaliadores que registrou queda nos preços de imóveis excedeu a proporção dos que reportaram alta em 49,1 pontos porcentuais em dezembro, comparado com um balanço negativo de 40,6 pontos porcentuais em novembro. Este foi o quinto mês seguido no a oscilação foi negativa, o que indica que o mercado está se enfraquecendo.

AE- DOW JONES, Agencia Estado

16 de janeiro de 2008 | 07h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.