REUTERS/Ricardo Moraes
REUTERS/Ricardo Moraes

Relatórios de segurança da Vale vazam na rede

Documentos teriam sido 'hackeados', segundo publicação da área de tecnologia, mas nenhum deles traz informações específicas sobre acidentes críticos em barragens

Renata Batista, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2019 | 20h00

RIO - Uma série de relatórios de segurança das operações da Vale foi compilada e enviada para o site Tecmundo na terça-feira, 29, de forma anônima. Os documentos, divulgados nesta quarta-feira, 30, pelo site, estavam no site da companhia. Teriam sido “hackeados”, segundo a publicação da área de tecnologia. Eles mostram os relatos obrigatórios de acidentes como o tombamento de caminhões e vagões, mas nenhum dos arquivos  divulgado até agora, porém, traz informações específicas sobre acidentes críticos em barragens. 

Em nota, a Vale esclarece que não houve falha técnica no site ou invasão de seu ambiente de TI. “Os arquivos de uso interno que foram atribuídos a um vazamento, na verdade, estavam disponíveis em área pública do site vale.com. As informações contidas nos documentos são registros e tratativas dos incidentes e quase acidentes de segurança. Esse registro é obrigatório na Vale e faz parte do nosso sistema de Gestão de Saúde e Segurança e Meio Ambiente”.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.