bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Remessas de lucros e dividendos ao exterior cresce R$ 1,7 bilhão

O volume de remessas líquidas de lucros e dividendos do País para o exterior cresceu R$ 1,7 bilhão no primeiro trimestre deste ano, comparado ao mesmo período do ano passado. Segundo os técnicos do instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), este crescimento representa um reflexo dos investimentos diretos estrangeiros no Brasil nos últimos anos. As remessas líquidas haviam somado R$ 6,3 bilhões nos primeiros três meses do ano passado e somaram R$ 8 bilhões este ano, valor 27% superior. A técnica do IBGE Cláudia Dionísio explica que, com o tempo, as empresas que investiram no País começam a ter lucros e remetem para suas matrizes para o exterior. Este ano o movimento está mais forte também por conta da valorização do real."Toda a vez que valoriza o câmbio tende a acelerar as remessa ao exterior", explica o economista da Pontífice Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP) Antônio Correa de Lacerda. Com o real valorizado, o lucro das empresas em dólar aumenta, o que faz algumas empresas anteciparem sua remessas. Além disso, tem havido aumento da lucratividade.O levantamento feito pelo IBGE leva em conta informações da balança de pagamentos do Banco Central (BC), que são usadas para as contas nacionais do País, que o IBGE elabora para calcular e detalhar os principais movimentos da economia do País ao longo do ano.Investimentos no exterior Os dados divulgados nesta quinta pelo IBGE também mostram o crescimento dos investimentos brasileiros no exterior. No primeiro trimestre do ano o investimento brasileiro no exterior mais do que duplicou (134%), passando de R$ 2,5 bilhões no período ano passado para R$ 5,8 bilhões este ano.Caso esta trajetória de crescimento se mantenha é de se esperar que, no futuro, também aumente a remessa de lucros desses empreendimentos no exterior para o País. Lacerda ressalta, contudo, que enquanto os estrangeiros têm um estoque de investimentos que ele estima em US$ 180 bilhões no País, os investimentos brasileiros no exterior devem representar não mais que 10% disso. Não há dados recentes oficiais sobre estes estoques.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.