Renda Fixa em IRF-M: apenas um produto

Por enquanto, os investidores vão encontrar apenas um fundo de renda fixa indexado ao IRF-M, que começa a captar a partir de sexta-feira, o Pactual Fix. A ausência de concorrência é explicada pela novidade, somada ao risco iminente dos produtos com taxas prefixadas.Segundo o diretor de Administração de Fundos do BCN Alliance, Carlos Roberto Otero, o risco é semelhante ao de um fundo de derivativos. "O fundo é mais agressivo do que parece e ele precisa ser bem explicitado para ser compreendido pelo cliente." Em momentos de crise e instabilidade, esse tipo de fundo tende a não ser vantajoso, argumenta Otero, lembrando da crise da Ásia em 1997, quando a taxa de juros básica saltou de 20% para 40%, deixando os fundos prefixados com patrimônio negativo.O diretor de Distribuição de Asset Management do Banco Pactual, Rodrigo Xavier, reconhece o risco, mas acredita no sucesso do novo indexador. O fundo terá gestão ativa, ou seja, com a finalidade de superar a variação do benchmark. O Pactual Fix tem captação mínima de R$ 50.000,00, taxa de administração de 1% ao ano, mais performance de 20% sobre o que exceder o IRF-M.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.