Rentabilidade da poupança não cobre inflação de maio

Rendimento real foi negativo em 0,214%; no acumulado do ano, perda é de 0,013%

AE, Agencia Estado

17 de junho de 2008 | 13h16

O investidor em caderneta de poupança teve perda real no mês de maio, calculou a consultoria Economática. A rentabilidade da poupança naquele mês foi de 0,574%, porém descontada a inflação do período, de 0,79% medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o rendimento real foi negativo em 0,214%. No acumulado do ano, a perda real é de 0,013%. Veja também:Entenda a crise dos alimentos  Entenda os principais índices de inflação   Ou seja, um investidor em poupança que tivesse aplicado R$ 100, teria sacado R$ 100,57 no final de maio, porém seu poder aquisitivo real seria equivalente a R$ 99,78 no final de maio, descontada a inflação.

Tudo o que sabemos sobre:
Cardeneta de poupançaInflaçãoIPCA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.