Repsol anuncia indícios de petróleo e gás na Bacia de Santos 48

Poço na Bacia de Santos foi batizado de Panoramix e está localizado a 185 quilômetros do litoral paulista

Nicola Pamplona,

15 de janeiro de 2009 | 14h49

A petroleira espanhola  Repsol anunciou nesta quinta-feira, 15,  ter encontrado indícios de petróleo e gás no bloco BM-S-48, na Bacia de Santos, onde tem parceria com a Petrobrás e a Woodside. O poço foi batizado de Panoramix e está localizado a 185 quilômetros do litoral paulista, próximo ao campo de Merluza, primeiro produtor da bacia. A companhia, porém, não divulgou o volume encontrado, alegando que precisará de novos testes para quantificá-lo.  " A estimativa dos volumes de hidrocarbonetos somente será possível em uma etapa posterior à fase preliminar de avaliação", afirmou, em nota oficial. Os indícios foram encontrandos em profundidades entre 3.760 metros e 4.602 metros. A Repsol é a segunda companhia em número de concessões e a terceira em produção de petróleo no Brasil, com participação em 24 concessões exploratórias na costa brasileira, algumas delas na área do pré-sal na Bacia de Santos.  A companhia é sócia ainda da Petrobrás no campo de Albacora Leste, na Bacia de Campos. Recentemente, vendeu suas operações brasileiras de distribuição de combustíveis para a AleSat.

Tudo o que sabemos sobre:
Petróleo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.