carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Resultado da Previdência é distorcido, diz Garibaldi

O ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, disse que o resultado da Previdência de fevereiro está distorcido. Segundo ele, o repasse das contribuições do Simples Nacional no mês de janeiro foi da ordem de R$ 2,1 bilhões e, no mês passado, de R$ 132 milhões. "Ou seja, temos uma diferença de R$ 2 bilhões", calculou.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

29 de março de 2012 | 11h34

Esse episódio foi causado porque houve prorrogação do pagamento de tributos do Simples Nacional e dos Microempreendedores Individuais (MEI). O prazo havia vencimento em janeiro, mas foi prorrogado para 12 de março. "Com isso, a normalidade das contas da Previdência deve ocorrer em março", previu o ministro.

Técnicos do ministério acreditam que o repasse será "dobrado" em março, segundo informações obtidas com o Simples Nacional. Como o repasse é da ordem de R$ 2 bilhões por mês, a expectativa é de que ingresse uma soma de R$ 4 bilhões em março para a Previdência.

Tudo o que sabemos sobre:
Previdência SocialGaribaldi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.