Revenda de carro usado tem melhor semestre da história

Vendas somaram 1,039 mi de unidades no 1º semestre, aumento de 47,54% em relação a igual período de 2007

AE, Agencia Estado

07 de julho de 2008 | 12h49

O indicador de vendas da Associação dos Revendedores de Veículos Automotores no Estado de São Paulo (Assovesp) e do Sindicato do Comércio Varejista de Veículos Usados no Estado de São Paulo (Sindiauto) aponta 2008 como o melhor ano da história do segmento de revendas de veículos no Brasil. As vendas do setor totalizaram 1,039 milhão de unidades no primeiro semestre do ano, o que significa um crescimento de 47,54% em relação a igual período de 2007 e o melhor nível de negócios nos 15 anos em que a pesquisa é realizada.As vendas de carros populares no Estado cresceram 49,9% no período (742,9 mil negócios), impulsionando o indicador. O segmento de caminhões apresentou alta de 17,97% (33,9 mil unidades). Entre as motocicletas, entretanto, houve uma queda de 2,86% (57,9 mil contratos).O levantamento aponta que o preço médio dos automóveis subiu 0,27% de janeiro a junho. Nesse caso, o avanço foi puxado pela alta de 1,27% no preço dos carros populares. As motos apresentaram desvalorização de 2,37%, enquanto os preços dos caminhões tiveram elevação média de 4,60%.JunhoEm junho, o comércio de veículos usados no Estado de São Paulo registrou 178.756 negócios, alta de 39,85% em relação a junho de 2007. Na comparação com maio, a expansão foi de apenas 0,46%. As vendas de veículos populares somaram 129,2 mil unidades. A venda de motos somou 9,2 mil unidades no mês passado, alta de 3,04% em relação a junho de 2007. No segmento de caminhões, os negócios apresentaram expansão de 12,26%, para 5,9 mil negócios.

Tudo o que sabemos sobre:
Veículos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.