Revisão de crescimento é adequada à realidade, diz Ideli

A ministra chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, considerou a revisão da projeção de crescimento da economia brasileira para este ano uma "adequação à realidade". O Banco Central revisou a sua projeção para o Produto Interno Bruto (PIB) do País em 2012 de 3,5% para 2,5%. A nova estimativa consta do Relatório Trimestral de Inflação, divulgado pela instituição nesta quinta-feira.

RAFAEL MORAES MOURA, Agencia Estado

28 de junho de 2012 | 12h31

"É adequação à realidade, entende, pé no chão, mas com muito trabalho", disse Ideli a jornalistas, após cerimônia no Palácio do Planalto de anúncio do Plano Agrícola e Pecuário 2012-2013.

Questionada sobre as discrepâncias da previsão do BC, de 2,5%, e da Fazenda, ainda de 4%, Ideli respondeu: "Olha, estamos trabalhando, é isso que importa." Para Ideli, o governo federal está fazendo "tudo que está ao seu alcance" para enfrentar a crise e permitir que o Brasil cresça.

"É claro que a situação da crise coloca condições, entende, de maior dificuldade, mas tudo que tem sido feito, não tem semana que não tem anúncio, não tem iniciativa, não tenha ação do governo para fazer com que o crescimento se dê dentro das nossas potencialidades e possibilidades. É trabalhar muito", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
InflaçãorelatórioIdeli

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.