Rio Tinto defende a não fixação de preços

A mineradora Rio Tinto defendeu ontem a não fixação dos preços de contrato do minério de ferro. A empresa disse que quer esperar o mercado se recuperar antes de fechar novos preços. O ano contratual começa em 1º de abril, mas nenhuma das três grandes mineradoras (BHP, Vale e Rio Tinto) concluiu a negociação com siderúrgicas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.