Rio Tinto investirá US$ 230 milhões para ampliar porto na Austrália

Recursos criarão uma capacidade de produção extra de cinco milhões de toneladas de minério por ano 

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

24 de setembro de 2010 | 09h28

A mineradora anglo-australiana Rio Tinto disse que gastará US$ 230 milhões para expandir a capacidade de produção de minério de ferro na região de Pilbara, no Estado australiano de Western Australia.

Segundo a mineradora, os recursos ajudarão a implementar as obras de ampliação do porto de Dampier, criando uma capacidade de produção extra de cinco milhões de toneladas por ano, para 230 milhões de toneladas até o primeiro trimestre de 2012.

A Rio Tinto afirmou em agosto que investirá US$ 990 milhões para expandir as operações de produção em Pilbara para 330 milhões de toneladas por ano ou mais.

Um porta-voz da mineradora afirmou que o investimento de US$ 230 milhões não está incluído nos US$ 990 milhões anunciados no mês passado. Os US$ 990 milhões serão gastos em contratos de dragagem, encomendas de itens de longo prazo e trabalhos iniciais da expansão do porto de Cape Lambert, no leste de Pilbara.

A Rio Tinto disse que gastará US$ 12 bilhões com expansão nos próximos 18 meses e anunciou recentemente investimentos de US$ 803 milhões na ampliação de uma mina de diamantes australiana e de US$ 347 milhões em melhorias numa fundição de alumínio, em Iceland. As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
rio tintoinvestimentoportoaustrália

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.