Rodrigues não acredita em grande perda na safra 2003/04

O ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, participa do segundo dia de reunião dos superintendentes regionais da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), na sede companhia, em Brasília. A proposta do encontro é avaliar as ações da Conab em 2003 e traçar as perspectivas para 2004. Antes de participar do encontro, o ministro disse que não espera quebra na safra 2003/04 por conta do excesso de chuva nas últimas semanas. Os problemas, segundo ele, foram localizados e pontuais e citou o exemplo da fruticultura no Vale do São Francisco que, apesar das chuvas, está com a produção normalizada. A terceira previsão oficial da Conab para a atual safra de grãos deverá ser divulgada na próxima quinta-feira. Em relação às cotas de exportação de carnes para Rússia, Rodrigues disse que o assunto será discutido amanhã com a delegação do governo daquele país, em reunião no Itamaraty. O ministro considera, porém, que a cota estabelecida para 2004 não deve ser revista. Uma cota maior só vigoraria a partir de 2005. Ainda nesta manhã, o ministro inaugurou o bosque da Conab e plantou mudas de pau-brasil. O bosque está instalado ao lado o estacionamento da Conab e servirá como área de lazer para os funcionários da companhia. Em 12 mil metros quadrados são cultivadas árvores nativas do cerrado, como pequi, além de inúmeros frutíferas, como a manga.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.