Roubo de cargas em SP gera prejuízo de R$ 205 mi

O roubo de cargas no Estado de São Paulo gerou um prejuízo estimado em R$ 204,6 milhões em 2007, segundo a estatística divulgada hoje pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (Setcesp). A ação das quadrilhas de assaltantes elevou os prejuízos das empresas em 5,44%, quando comparados ao ano de 2006.Segundo o Setcesp, por mês foi contabilizado, na média, um rombo de R$ 17,056 milhões. O território paulista responde, sozinho, por pouco mais da metade das ocorrências desse crime no País e a capital, ao lado da região metropolitana e das rodovias que cortam a área, concentram 85% dos registros.Para conter a investida das quadrilhas organizadas, o Setcesp realiza hoje a 18ª Sessão do Fórum Paulista do Transporte. O tema em pauta nesta edição é: "Segurança Pública X Crime Organizado: Prejuízos no Transporte Rodoviário de Cargas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.