Drew Angerer/NYT
Drew Angerer/NYT

Hackers invadem site da Receita dos EUA e roubam dados de 104 mil contribuintes

Informações foram coletadas em um serviço online no qual contribuintes podem pedir a restituição de impostos

Agência Estado

27 Maio 2015 | 09h31

WASHINGTON - Mais de cem mil contribuintes norte-americanos tiveram seus dados roubados do site da Internal Revenue Service (IRS), a Receita Federal dos Estados Unidos. Segundo John Koskinen, comissário da IRS, as informações foram coletadas em um serviço online onde os contribuintes podem pedir restituição de impostos, um trabalho que não é para amadores.

"Eles fazem parte organizações criminosas organizadas que não apenas nós, mas toda a indústria financeira está lidando no momento", disse. Koskinen acrescentou que o órgão está notificando os cidadãos que tiveram suas informações roubadas.

Ladrões de dados pessoais, tanto dos Estados Unidos quanto de fora, têm aumentados seus esforços nos últimos anos para lucrar com pedidos de restituição fraudulentos. A IRS estima que pagou US$ 5,8 bilhões em restituições indevidas em 2013. 

Congressistas norte-americanos já estão pressionando a receita por causa do incidente. "É bastante desconcertante que dados de contribuintes foram comprometidos", disse o deputado republicano Paul Ryan. "Proteger o contribuinte deveria ser prioridade do IRS, e por isso precisamos de respostas do órgão." 

Mais conteúdo sobre:
ReceitaEUAroubodados

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.