coluna

Carolina Bartunek: ESG, o que eu tenho a ver com isso?

Ruralistas argentinos anunciam locaute de uma semana

Os fazendeiros argentinos vão interromper a venda de grãos, oleaginosas e gado por uma semana, informaram hoje os líderes das quatro principais entidades ruralistas.

MARINA GUIMARÃES E GERSON FREITAS JR., Agencia Estado

20 de março de 2009 | 18h52

Os produtores ficaram furiosos com a falta de quórum no Congresso para discutir o projeto de lei da oposição que reduz a alíquota de 35% das exportações da soja e com decisão da presidente Cristina Kirchner de dividir a receita do imposto com as províncias. Os ruralistas viram na medida da presidente uma estratégia para minar o apoio das províncias à principal reivindicação do setor.

Mesmo antes do anúncio do locaute, os agricultores já fechavam algumas das principais estradas.

Os bloqueios deverão se intensificar em todo o país durante o fim de semana, e os ruralistas só vão liberar as rodovias quando a bancada ruralista garantir quórum na Câmara dos Deputados para discutir o projeto que fixa novas regras para as retenções (imposto cobrado nas exportações de matérias-primas agrícolas). Com informações da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
agropecuáriaArgentinalocaute

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.