Rússia deve manter cotas para carne brasileira, diz ministro

O ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, disse não acreditar que a Rússia revisará, no curto prazo, o sistema de cotas para compra de carnes brasileiras. ?Não vejo com entusiasmo nenhuma mudança substancial ou de comportamento dos russos para compra de carne neste ano?, disse ele, ao abrir uma reunião com produtores e exportadores de carne suína.Segundo ele, as conversas que o governo brasileiro têm mantido com a Rússia permitem ?com certo otimismo? pensar em aumento da cota apenas no próximo ano. Rodrigues integrou missão brasileira que esteve na Rússia no mês passado e reúne-se hoje com o vice-ministro russo Boris Alioshin, em Brasília.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.