Rússia inaugura sua 1ª unidade de liquefação de gás natural

Para presidente, concretização do projeto destaca Rússia como um dos mais importantes em energia

Efe

18 de fevereiro de 2009 | 04h43

A primeira unidade russa de liquefação de gás natural foi inaugurada nesta quarta-feira, 17, na localidade de Prigorodni, no sul da ilha de Sakhalin, no Pacífico, informou a agência oficial de notícias RIA Novosti.   À cerimônia de inauguração foram o presidente russo, Dmitri Medvedev, o príncipe Andrew da Inglaterra, o primeiro-ministro japonês, Taro Aso, e a ministra da Economia da Holanda, María van der Hoeven.   "A realização deste projeto fortalece as posições da Rússia como um dos mais importantes participantes do mercado energético", disse Medvedev, citado pela agência oficial de notícias russa Itar-Tass.   Em conversas antes da cerimônia da inauguração, o primeiro-ministro japonês declarou que a instalação é um "símbolo da cooperação russo-japonesa na região Ásia-Pacífico".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.