bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Rússia libera importação de duas unidades de suínos

O Serviço Federal de Vigilância Veterinária e Fitossanitária da Rússia (Rosselkhoznadzor) liberou neste mês de março a importação de carne suína, miúdos e gorduras de duas unidades brasileiras e também da carne de aves, miúdos e gorduras de três frigoríficos. Ao mesmo tempo, colocou em controle reforçado, com conclusões pendentes de testes adicionais de laboratórios, um estabelecimento de carne de porco, da Pamplona (SIF 1156), de Rio do Sul (SC), desde o último dia 19.

SUZANA INHESTA, Agencia Estado

27 de março de 2014 | 19h25

Conforme informações contidas no site do serviço, os estabelecimentos de carne de porco liberados neste mês foram um da BRF (SIF 1001), de Rio Verde (GO) e um da Seara/JBS (SIF 3392), de Itapiranga (SC). Com a decisão, o Brasil aumenta de 21 para 22 frigoríficos autorizados, sendo sete liberados (com um sob controle reforçado) e 15 com restrições temporárias.

Já as unidades liberadas de aves foram a da BRF (SIF 1010), de Mineiros - (GO); da Seara/JBS (SIF 3595), de Sidrolândia (MS) e da Seara/JBS (SIF 2869), de Passos (MG). Portanto, das 38 unidades brasileiras autorizadas a exportar aves, 10 estão totalmente liberadas e 28 com restrições temporárias. A situação de bovinos continua a mesma. São 58 unidades autorizadas a exportar ao país, dentre elas 36 estão com restrição temporária e 22 seguem liberadas.

Tudo o que sabemos sobre:
Rússiaimportaçãoporco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.