Rússia não habilitou novos frigoríficos, diz Mapa

O diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Dipoa), Nelmon Oliveira da Costa, afirmou nesta quarta-feira que a Rússia não se manifestou sobre a possibilidade de habilitar novos frigoríficos brasileiros para a exportação de carnes bovina e suína. O veterinário russo Andrey Medvedev, que trabalha na liberação de cargas no Porto de Itajaí (SC), visitou nos últimos dias abatedouros localizados no Rio Grande do Sul, Mato Grosso e Rondônia. De acordo com roteiro distribuído na semana passada pela Assessoria de Imprensa do Ministério da Agricultura, a visita terminou na terça-feira em Rondônia, onde ele visitou frigoríficos localizados em Vilhena e Rolim de Moura. Foi a primeira vez que o Serviço Veterinário da Rússia autorizou um veterinário que trabalha no Brasil a fazer as visitas. Quando há necessidade de habilitar novas plantas, os russos enviam uma missão ao País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.