Rússia vai atrasar resgate à Ucrânia, diz Siluanov

A Rússia vai atrasar um resgate prometido para a Ucrânia após o colapso do governo neste final de semana, mas o Fundo Monetário Internacional (FMI) pode ajudar o país a retomar a estabilidade financeira, disse o ministro de Finanças russo, Anton Siluanov.

Agencia Estado

23 de fevereiro de 2014 | 07h10

"A situação política na Ucrânia tem mudado dramaticamente. Agora temos que esperar até que um novo governo seja formado antes que uma decisão possa ser tomada", disse Siluanov , após a reunião das 20 maiores economias do mundo em Sydney. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
g-20reuniãorússiasiluanov

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.