Samsung muda tablet para competir com iPad

A Samsung Electronics apresentou ontem uma versão maior do smartphone Note, na tentativa de tirar do iPad a liderança de mercado de tablets. O tablet Galaxy Note 10.1 foi lançado nos Estados Unidos, Reino Unido e Coreia do Sul.

O Estado de S.Paulo

17 de agosto de 2012 | 03h04

Com tela pouco maior que a do iPad, que tem 9,7 polegadas, o modelo de 10,1 polegadas da Samsung tem outros diferenciais, entre eles um recurso de anotações manuscritas e um divisor de tela que permite usar dois aplicativos ao mesmo tempo.

A primeira versão do Galaxy Note vendeu 10 milhões de unidades desde o lançamento, em outubro. Já o iPad vendeu 28,8 milhões de unidades no primeiro semestre e ficou com 64,4 % do mercado, segundo o grupo de pesquisa IHS iSuppli. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.