Samsung processa Apple por desrespeitar patentes

LONDRES

, O Estado de S.Paulo

23 de abril de 2011 | 00h00

A sul-coreana Samsung anunciou ontem que está processando a Apple por violações de patentes, apenas alguns dias depois de ser acusada pela rival na Justiça de ter feito a mesma coisa. O processo foi registrado na quinta-feira em tribunais de Seul (Coreia do Sul), Tóquio (Japão) e Mannheim (Alemanha).

Segundo a Samsung, a Apple desrespeitou dez de suas patentes de tecnologias para smartphones e computadores, em áreas como transmissão de dados e conexão sem fio entre celulares e computadores pessoais.

Há alguns dias, a Apple processou a Samsung em um tribunal da Califórnia (Estados Unidos) por desrespeito a patentes. A Apple alega que a linha Galaxy, de smartphones e tablets da Samsung, copia o iPhone e o iPad.

"A Samsung está respondendo ativamente à ação legal tomada contra nós, com o objetivo de proteger nossa propriedade intelectual e garantir nossa inovação e crescimento contínuos no mercado de comunicações móveis", informou a empresa sul-coreana, em comunicado.

Competição. O lançamento de celulares inteligentes da Samsung feito em junho de 2010 representou um forte aumento da concorrência ao iPhone, da Apple.

Em 2009, a companhia sul-coreana tinha 4% do mercado de celulares e agora tem 10%. Os diretores da Samsung consideram que esse sucesso causou a tensão em suas relações com a Apple.

Apesar de as duas empresas serem concorrentes nos smartphones, a Apple é um dos maiores clientes da Samsung. A empresa sul-coreana fabrica microchips que a rival americana utiliza em seus produtos.

A briga entre a Apple e a Samsung é o capítulo mais recente de uma guerra de patentes entre fabricantes de celulares nos últimos anos. Empresas como Apple, Microsoft, Nokia, HTC e outras têm tomado medidas legais para proteger seus direitos intelectuais. / AP E EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.