bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Sanções contra Irã derrubam exportações de petróleo

A Administração de Informação de Energia (EIA, na sigla em inglês) do governo dos EUA informou em um relatório divulgado nesta sexta-feira que as sanções adotadas pelos países do Ocidente contra o Irã fizeram com que a exportação de petróleo do país no ano passado fosse a menor em 26 anos.

Agencia Estado

26 de abril de 2013 | 14h42

Segundo os dados da EIA, o Irã exportou 1,5 milhão de barris de petróleo por dia no ano passado, uma queda de 39% em relação a 2011 e o menor nível desde 1986, ano da guerra Irã-Iraque. Em termos de receita, as exportações iranianas de petróleo caíram 27,4%, para US$ 69 bilhões, o menor nível desde 2009. "As sanções contra investimentos no setor de petróleo também aumentaram, o que resultou no cancelamento de novos projetos por diversas companhias estrangeiras", diz a agência americana.

O Irã, que já foi o segundo maior integrante da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), perdeu o posto para o Iraque este mês, também de acordo com dados da EIA. A produção de petróleo no país em março e abril oscilou em torno de 2,8 milhões de barris de petróleo por dia, uma queda de 500 mil barris por dia na comparação com o mesmo período de 2012. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIrãpetróleosanções

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.